SEROTONINA: O HORMÔNIO DA FELICIDADE

O que é serotonina?

Assim como a endorfina e a dopamina, a serotonina é considerada um hormônio da felicidade e do prazer tem como função a condução de impulsos nervosos de um neurônio a outro.

É produzida por meio de aminoácidos, como o triptofano, encontrados em alguns alimentos, tais como nozes, queijo e carne vermelha, e se localiza principalmente no sistema digestivo, embora também esteja nas plaquetas do sangue e em todo o sistema nervoso central

Ela é um neurotransmissor que atua no cérebro e em outros sistemas do corpo e proporciona a sensação de bem-estar, porém seu desregulamento pode gerar transtornos de humor, como ansiedade e depressão. Para que seja produzida de maneira adequada, é importante manter uma alimentação balanceada, praticar exercícios físicos e tomar banhos de sol com regularidade.

O que ela faz?

Auxilia a coagulação sanguínea

A serotonina tende a levar ao processo de vasoconstrição, o que facilita a coagulação sanguínea.

Auxilia os movimentos intestinais

Como se encontra em grande concentração no sistema digestivo, tem função primordial no auxílio da movimentação gastrointestinal.

Bem-estar dos ossos

Níveis excessivamente altos de serotonina podem estar associados a quadros de osteoporose, doença que torna os ossos fracos e quebradiços. Quando em níveis saudáveis, o bem-estar do esqueleto é mantido.

Efeito cicatrizante

As plaquetas do sangue liberam serotonina para ajudar a cicatrizar feridas, já que a substância faz com que os minúsculos vasos sanguíneos se estreitem e auxiliem a coagulação.

Previne náuseas

Com o intuito de auxiliar a eliminação de substâncias tóxicas do intestino, o organismo produz mais serotonina e estimula o cérebro a controlar a sensação de náusea.

Regula o humor

A serotonina aumenta a felicidade e melhora o humor. Quando seus níveis estão baixos, o indivíduo pode desenvolver transtornos de ansiedade e depressão.

Regula o sono

Este hormônio atua nas regiões do cérebro que controlam o sono e a vigília, sendo umas das precursoras da melatonina.

Relaxa

Serotonina ajuda a regular o humor naturalmente, proporcionando mais felicidade, calma e concentração.


Como saber se ela está baixa?

Uma baixa concentração deste hormônio é percebida por meio de diversas alterações, normalmente associadas ao humor. As mudanças trazidas com a serotonina baixa envolvem manifestações semelhantes aos sintomas de depressão, como:

  • Ansiedade
  • Autoestima baixa
  • Compulsão alimentar, especialmente por alimentos doces ou ricos em amido
  • Fadiga
  • Falta de atenção
  • Falta de paciência
  • Irritabilidade
  • Mau humor
  • Problemas de memória
  • Sonolência ou insônia

Serotonina e depressão

Depressão, bipolaridade e ansiedade são transtornos que podem estar associados a baixos níveis de serotonina. “Esse neurotransmissor possui receptores no cérebro e sua falta é, na maioria das vezes, responsável por distúrbios de humor”, destaca a farmacêutica Camila Congentino, doutoranda em neurociência pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP).

A especialista também explica que o tratamento para tais condições costuma envolver antidepressivos que inibem a recaptação de serotonina, a deixando disponível por mais tempo

Produtos no mercado

Existem produtos que tem como objetivo aumentar os níveis de serotonina, como o Venetron , encontrado em farmácias de manipulação. CLIQUE AQUI PARA VER MAIS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *